O fim do programa “91 Minutos” da Rádio Rock em 2012

O jornalista Álvaro Borba foi o último âncora do programa

O programa “91 Minutos”, da Rádio Rock Curitiba, saiu do ar  em 2012, depois de  nove anos, quando a emissora passou a retransmitir a programação nacional da Rede Mix.

O jornalista Álvaro Borba era o apresentador, substituindo a advogada e psicóloga Maria Rafart, que tinha sido convidada a se transferir para a Rádio Transamérica Light.

Com a saída da apresentadora, levando vários integrantes da equipe, novos novos comentaristas foram convidados para prosseguir com os que ficaram na emissora. E Álvaro Borba permaneceu no ar até o fim, quando a programação da Rádio Rock & News saiu do ar. 

Veja abaixo alguns vídeos dos bastidores com os comentaristas, gravados no anos de 2005.

O já falecido comentarista Mário Negrão em 2005

Elói Zanetti em 2005

Renato Requião em 2005.

O psicólogo Marcos Meier.

Logo da extinta Rádio Rock

Veja abaixo a publicação do “Portal da Propaganda” no dia 7 de abril de 2011, sobre a última fase do programa..

Jornalista Álvaro Borba assume o microfone do “91 Minutos”
Qui, 07 de Abril de 2011 11:41

De volta à rádio rock de Curitiba, Borba traz fôlego novo para o
programa que já é sucesso nas manhãs de segunda a sexta em 91,3 FM.

Álvaro Borba é o mais novo integrante da programação da rádio 91 Rock. Ele assumiu no último dia 04 de abril o 91 Minutos, programa de notícias e variedades, há oito anos no ar.

Jornalista com vasta experiência em rádio, tem passagem pela CBN de São Paulo e atualmente é chefe de reportagem da CBN Curitiba e editor chefe do programa Band Cidade, na Band TV Curitiba.

Na rádio 91 Rock, une sua experiência ao consagrado ritmo do programa que é sucesso de audiência durante as manhãs.

A ideia de Borba é trazer mudanças sutis ao 91 Minutos, colocando aos poucos notícias mais factuais que falem da vida em Curitiba. Ele pretende inserir as novidades como pílulas ao longo dos 91
minutos.

Com o novo âncora, o 91 Minutos tende a aumentar sua audiência e qualidade. Borba complementa a irreverência característica do programa e renova o dream team de comentaristas que fazem parte do show.

Sua carreira jornalística iniciou-se no programa 96 Minutos, versão antiga do 91 Minutos quando a rádio rock estava em outra
freqüência, em 2003.

Borba diz não ter dificuldade para falar com o público do
programa porque ele mesmo tem suas raízes no rock. “Todos os
assuntos interessam a esse público. O que muda é a abordagem.
Rock não é música, é atitude. Isso que eu quero trazer para o programa”, conta.

“O rock tem esse lado explícito e quero usar mais disso no 91 Minutos”, finaliza.91 ROCK – Em pesquisa nacional publicada no site do
jornal Meio & Mensagem, M&Monline, a rádio 91 Rock é a única
rádio paranaense e a única musical com segmentação específica
que está na lista das 10 rádios mais admiradas de 2010.

Esta é a quinta vez consecutiva que a 91 Rock é contemplada pela
pesquisa realizada pela Qualibest junto aos assinantes do Meio &
Mensagem e a uma base seleta de internautas cadastrados no site.

Os ouvintes da emissora têm entre 25 e 49 anos e um estilo de vida
antenado com o mundo. A 91 Rock em 14 anos de atividade leva ao
seu público novas formas de pensar e se expressar, pois é música,
informação e atitude, conquistando audiência.


Comments

comments

Shares